Connect with us


Tutoriais

Como formatar um cartão microSD de forma simples e rápida com o SD Formatter

Cartões microSD são quase que obrigatórios atualmente, principalmente pela utilização em smartphones e câmeras digitais. São utilizados para ampliar o espaço interno de vários aparelhos. Mas muitas vezes não estão prontos para já utilizá-los e é preciso formatá-los. Mas como formatar para poder utilizar? O SD Formatter pode ajudá-lo.

Publicado a

em

Como formatar seu cartão sd de forma simples e rápida com o SD formatter

Cartões microSD são quase obrigatórios atualmente, já que são compatíveis com boa parte dos smartphones e câmeras digitais à venda. São uma solução simples e rápida de ampliar o espaço interno, e muitas vezes não estão prontos para serem utilizados nos aparelhos ou então já estão cheios e precisando liberar espaço. Mas como formatá-lo para utilização?

Existe a opção de formatação pelas próprias ferramentas de seu computador (Linux, macOS ou Windows). Mas há um programa mais eficiente, fácil utilização e até mesmo mais seguro: o SD Formatter. Abaixo iremos ensinar a formatar seu cartão de memória com o SD Formatter.

Passo 1: Fazer o download do SD Formatter

A primeira etapa é baixar o programa. Segue abaixo o link para fazer download:

  • Se você utiliza Windows, faça o download através deste link
  • Se você utiliza macOS, faça o download através deste link.
  • Se você utiliza algum sistema baseado no Linux, faca o download através deste link.

Depois que fizer o download do programa agora é instalá-lo, aceitar os termos da licença e esperando o processo completar. Feito isso, iremos ensinar como o SD Formatter funciona.

 

Passo 2: Abrindo o programa e escolhendo o cartão para formatar

Depois que a instalação for concluída e clicar no ícone do programa, a tela dele irá aparecer. Ela será dividida em 3 blocos:

  1. Select card: Nesta parte iremos selecionar o cartão que iremos formatar
  2. Card information: Nesta parte o programa irá mostrar as informações do cartão ( O tipo e capacidade )
  3. Formatting options: Nesta parte é onde tudo acontece. Nele iremos informar qual o tipo de formatação e o novo nome do cartão de memória

No Select card, ele irá mostrar todas as opções de disco de armazenamento. Escolha a opção que seja a do seu cartão de memória.

 

Tela inicial do SD Formatter

Tela inicial do SD Formatter

 

Passo 3: Escolhendo a opção de formatação

Neste tutorial, estamos usando um cartão microSD de 32 GB. Há duas opções aqui: o Quick format e o Overwrite format.

  • A primeira opção é a mais prática, limpando o cartão microSD rapidamente.
  • a segunda opção é mais severa, fazendo um pente fino nos blocos de dados. Trata-se de uma opção mais segura, já que garante que seus dados pessoais não serão recuperados por ninguém. E exatamente por isso o processo pode demorar um pouco.

 

Escolhendo a opção para formatar o cartão de memória no SD Formatter

Escolhendo a opção para formatar o cartão de memória no SD Formatter

Depois de escolher o tipo de formatação e escolher o nome do cartão, basta clicar em FORMATAR e aguardar o programa formatar 100% de seu cartão.

Igor Luiz é Fundador e o Content Manager do Gadz Tech. Profissional na área de criação de sites, marketing digital e trabalha na publicação de notícias do site.

Anúncio
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez + dezoito =

Apps

Modo escuro para WhatsApp Web: O App esta testando inserir o tema para sua versão Web. Veja como ficará em seu navegador

O modo escuro do WhatsApp Web não é um recurso oficialmente integrado na versão Web, mas você pode obtê-lo facilmente sem interromper outras páginas ou instalar plugins de navegador

Publicado a

em

O “Modo Escuro” é uma das personalizações mais valorizadas pelos usuários em diferentes aplicativos e plataformas. O WhatsApp foi um dos que mais tarde veio a satisfazer essa demanda, mas ainda permanece em dívida com outras ferramentas em seu ambiente, como o versão web que roda em qualquer navegador. Agora, e com uma simples mudança de comando, podemos ativar facilmente essa função.

Agora, o modo escuro do WhatsApp também pode ser implementado no cliente do navegador da Web do WhatsApp, sem interromper outras páginas do navegador ou instalar qualquer plugin no seu navegador. A implementação no modo escuro oferece aos usuários o tema escuro, sem tirar nada do desempenho de outras guias abertas no seu navegador, e é apenas um pequeno truque simples que faz o trabalho.Para obter o modo escuro no WhatsApp Web, aqui estão as etapas a seguir:

Passo 1: Abrir o WhatsApp Web

Quando a página Web do WhatsApp estiver aberto e totalmente carregada, clique com o botão direito do mouse na área vazia fora dos bate-papos e clique na guia ‘inspecionar página’ ou ‘inspecionar’.

Passo 1: Inspecionar página para testar modo escuro Web WhatsApp

Passo 1: Inspecionar página para testar modo escuro Web WhatsApp

 

Passo 2: Abrir o WhatsApp Web

Depois de clicar em ‘inspecionar’, uma tela dividida será exibida para mostrar os elementos de codificação da página da Web do WhatsApp. Neste novo box,  localize a linha que lê body class = “web”. Esta quase no início do box.

Passo 2: Identificar elemento para testar modo escuro Web WhatsApp

Passo 2: Identificar elemento para testar modo escuro Web WhatsApp

 

Passo 3: Inserir comando para Modo Escuro

Clique 2 vezes nesta linha para ativar o cursor e altere ‘web’ para ‘web dark’ e aperte ENTER. A linha de código deve se parecer com body class = “web dark”. Agora você pode fechar o box com a codificação e aproveitar para avaliar os testes do WhatsApp para sua versão Web.

Clicar no X para fechar box de codificação

Clicar no X para fechar box de codificação

 

Veja como vai ficar:

Continue Lendo

Apps

Apple cria um novo App para ajudar usuários a aprender os conceitos básicos de programação

A Apple lançou seu aplicativo Swift Playground para Mac para ajudar usuários leigos em programação a aprender a codificar no Swift

Publicado a

em

A Apple lançou seu aplicativo Swift Playground para Mac para ajudar usuários leigos em programação a aprender a codificar no Swift . A empresa lançou o aplicativo no iPad em 2016 com o objetivo de incentivar as crianças a aprenderem programação. O aplicativo é feito no Catalyst – programa da Apple para facilitar aos desenvolvedores a criação de um aplicativo para Mac e iPad.

Na descrição do aplicativo, a Apple disse que é feito para pessoas sem conhecimento prévio de codificação:

 

O Swift Playgrounds não requer conhecimento de codificação, por isso é perfeito para os alunos que estão começando, de doze a cento e doze. O tempo todo você está aprendendo o Swift, uma poderosa linguagem de programação criada pela Apple e usada por profissionais para criar muitos dos aplicativos mais populares da atualidade. O código que você escreve funciona perfeitamente conforme você se move entre o Mac e o iPad.

 

Atualmente, você precisa fazer o download do Xcode para aprender a codificar no Swift. O novo aplicativo da Apple facilita um pouco se você está apenas começando. O aplicativo Swift Playground usa principalmente a ação de arrastar e soltar trechos de código prontos e comumente usados ​​para familiarizá-lo com os conceitos de programação de computadores. Por causa do projeto Catalyst, você também pode usar um único arquivo no Mac e no iPad.

Você pode baixar o aplicativo aqui .

Continue Lendo

Informática

Raspberry : Como montar um miniPC com menos de US$ 50

Você esta procurando um PC barato e que você consiga navegar pela internet ou fazer trabalhos escolares, o Raspberry Pi pode ser a solução para você. Neste tutorial iremos ensinar a montar e configurar este hardware em poucos passos. Confira

Publicado a

em

Prev1 of 3
Use your ← → (arrow) keys to browse

A placa Raspberry Pi é um mini computador que permite que você rode editores de texto, planilhas, navegue na internet e até desenvolva programas usando, por exemplo, Python ou Java. Neste tutorial vamos mostrar como configurar o Raspberry Pi com uma versão Linux ( Raspbian ).Pensando nesta placa, vamos listar as principais características dela:

  • A Raspberry Pi tem o tamanho aproximado de um cartão de crédito, possuindo diferentes versões.
  • A mais estável e mais comum é a Raspberry Pi 3, por isso iremos colocar as características desta. Embora já tenham lançado a versão Pi 4.
  • Processador de 1.2GHz
  • 1GB de memória,
  • Wifi integrado
  • Bluetooth integrado.

 

Configuração do Raspberry Pi 3

Confira todos os recursos que a placa Raspberry Pi 3 possui

 

 

Outras versões comuns são a Raspberry Pi 2, com processador de 900Mhz e 1GB de memória, e a sua antecessora, a Raspberry Pi versão B+, com processador de 700MHz e 512MB de memória. A placa Raspberry Pi Permite, assim como o Arduino, que você ligue sensores, displays e outros componentes.

 

Passo 1: Listando os requisitos obrigatórios

Neste passo inicial iremos listar o que será necessário para podermos instalar o Sistema Operacional Raspbian. Este sistema é baseado no Linux.

O Linux nesta placa é a melhor solução pois é um sistema gratuito e mais leve que o Windows. Embora seja uma placa robusta, precisamos entender que os recursos dela são limitados. Veja o que  precisamos para a instalação na Raspberry Pi:

  • Teclado e mouse.
  • Fonte de alimentação de 5v / 3A com conexão micro USB. (Lembre-se que a USB do computador suporta no máximo 500 mA)
  • Um monitor de vídeo com entrada HDMI
  • Um cartão microSD vazio de pelo menos 8 Gb ( Dê preferência para cartões Classe 10 )
  • Um computador com entrada para cartão SD ( Para copiar os arquivos do Raspbian )
Prev1 of 3
Use your ← → (arrow) keys to browse

Continue Lendo

Mais lidas +