UAI
Connect with us


Tecnologia

Tarifa Branca : Saiba o que é e como ajudará a pagar menos na conta de luz a partir de 1º de janeiro

A tarifa branca é uma modalidade opcional criada para desafogar o sistema elétrico e tornar a rede mais eficiente. Para que isso aconteça, as concessionários oferecem luz mais barata àqueles que consomem fora do horário de pico. Confira o que muda a partir do dia 1 de janeiro de 2019

Publicado a

em

A partir do dia 1º de janeiro de 2019, a opção pela tarifa branca estará disponível para quem consome mais de 250 KWh/mês (cerca de 15,9 milhões de unidades consumidoras).

Mas o que é tarifa branca?

A tarifa branca é uma modalidade opcional criada para desafogar o sistema elétrico e tornar a rede mais eficiente. Para que isso aconteça, as concessionários oferecem luz mais barata àqueles que consomem fora do horário de pico, quando o uso é mais intenso.

 

 

Nos dias úteis, há três faixas de consumo, que mudam de acordo com a região: horário de pico, intermediário e fora do pico. As concessionários devem informar aos consumidores quais são as suas faixas de consumo. A tarifa branca sinaliza aos consumidores a variação do valor da energia conforme o dia e o horário do consumo.

Quem pode beneficiar da tarifa branca

Ela é oferecida para as unidades consumidoras que são atendidas em baixa tensão (residências e pequenos comércios, por exemplo) e não se aplica a consumidores residenciais classificados como baixa renda, beneficiários de descontos previstos em Lei, e à iluminação pública.

Aprovada em 2016, a aplicação da tarifa segue um cronograma de preferência, de modo a priorizar as solicitações com as seguintes características:

  • 1º de janeiro de 2018, para novas ligações e para unidades consumidoras com média anual de consumo mensal superior a 500 KWh/mês;
  • 1º de janeiro de 2019 para unidades consumidoras com média anual de consumo mensal superior a 250 KWh/mês; e,
  • 1º de janeiro de 2020 para todas as unidades consumidoras.

Quem usa eletrodomésticos fora do chamado horário de ponta pode se beneficiar ao adotar a opção
Quem consome energia fora do horário de pico vai ter uma opção de economia a partir de 1º de janeiro. Isso porque entra em vigor a Tarifa Branca, que vai passar a valer para todas as unidades consumidoras de energia na baixa tensão do país (como residências, comércios e pequenas indústrias).

Quem consome energia fora do horário de pico – ou quer reduzir as contas de casa priorizando esses horários – vai ganhar uma nova opção para economizar na conta de luz a partir do dia 1º de janeiro de 2020. É a data em que entrará em vigor a nova Tarifa Branca, ou melhor, quando o programa passará a valer para todos os consumidores de energia da baixa tensão do país, incluindo residências, comércios e pequenas indústrias.

A Tarifa Branca vale a pena?

A Aneel alerta que a tarifa branca só vale a pena caso os moradores ou a empresa consigam transferir a maior parte de consumo energético para fora dos horários de pico. Caso contrário, o valor do serviço pode, inclusive, aumentar, como explicou o superintendente de gestão tarifária da Aneel, Davi Antunes. Por isso, é importante que o cliente conheça o seu perfil de consumo. Aqui, vale a dica de, até durante um mês, acompanhar seus padrões de consumo antes de solicitar a alteração.

Caso queira se adaptar ao consumo planejado de energia, a escolha deve ser formalizada na distribuidora local para que seja instalado um medidor de energia especial para a modalidade. Essa solicitação deve ser feita por telefone.

Uma vez alterado da tarifa convencional para a Branca, o consumidor poderá reverter a solicitação a qualquer momento caso não tenha percebido uma redução no valor das faturas. No entanto, as distribuidoras terão até 30 dias para atender a solicitação. No futuro, caso busque retornar à modalidade, o usuário deverá aguardar mais 180 dias a partir da desativação.

A Aneel alerta que a Tarifa Branca não é oferecida para os consumidores classificados como de baixa renda e outros beneficiários de descontos já previstos em lei.

Igor Luiz é Fundador e o Content Manager do Gadz Tech. Profissional na área de criação de sites, marketing digital e trabalha na publicação de notícias do site. Email de contato: [email protected]

Anúncio
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + cinco =

Tecnologia

Apple Watch: Planeja medir continuamente a pressão arterial

Nova patente adquirida pela Apple, pode fazer com que novos smartwatchs da empresa possam medir sua pressão arterial

Publicado a

em

O Apple Watch, e outros dispositivos similáres, estão cada vez mais populares e nos pulsos das pessoas. Esse em específico é um dos dispositivos que a Apple mais vende atualmente.

O smartwatch tem adotado também uma vertente ligada à saúde e ao bem-estar, pois além dos sensores cardíacos, do ECG, sensor de quedas e mais recentemente o oxímetro.

Segundo uma solicitação para patente, a Apple pretende apostar na capacidade de medir continuamente a pressão arterial do utilizador.

Apple Watch e a pressão arterial

Imagem Ilustra como funcionaria o mecanismo do Smartwatch

O futuro modelo do Apple Watch agora poderá fornecer monitorizações constantes de frequência cardíaca e pressão arterial.

Publicidade

Por conta da preocupação em monitorar sua saúde, a pressão arterial elevada é uma “ameaça silenciosa”, por conta da forma como ele reage no seu corpo, na qual muitas vezes nenhum tipo de sintoma indica que os seus valores estão acima dos considerados saudáveis.

O pedido pela patente propõem o uso do relógio como parte do processo. Segundo o que foi apresentado, a tecnologia do relógio irá medir a pressão arterial e calcula o tempo que leva para um pulso chegar do coração do utilizador.

O que possibilita essa nova abordagem do Smartwatch é o acoplamento elétrico do sistema de medição do tempo de trânsito do pulso (PTT) ao coração para medição da tensão arterial.

Dessa forma, os dados serão medidos, compilados e darão uma informação em tempo real, além de permanentemente. Conforme Já existia investigações sobre o uso dessa tecnologia pela Apple, realizando medidas contínuas destes sinais vitais sem o uso de extras componentes, como elétrodos ou um medidor de tensão arterial.

 

Continue Lendo

Black Friday

EA Black Friday: Loja online esta com ate 85% de desconto em jogos

Aproveite a semana da Black Friday para escolher alguns dos seus jogos preferidos que estão em promoção na EA.

Publicado a

em

A Black Friday já esta bem próxima e durante essa semana teremos várias promoções de produtos, desde eletrônicos até os jogos. Graças a isso a EA anunciou neste sábado (21/11) o início de promoções pré Black Friday na Origin (sua loja online) com games para computador que receberam até 85% de desconto.

Principais promoções

Primeiros jogos apresentados na loja virtual da EA.

Os principais jogos que apareceram com ótimas promoções foram jogos como Battlefield V que esta saindo por R$ 59,62, Need For Speed Heat por R$ 79,66, The Sims 4 á R$ 19,87, Titanfall 2 por R$17,70, Assassin’s Creed Odyssey por R$ 53,99.

Publicidade

Para os que procuram jogos de esporte, a empresa também anunciou FIFA 21 por R$174,56 (sendo que o preço anterior era de R$399,00).

Trials Rising, jogo de motocicleta, também veio com 80% de desconto, saindo por apenas R$14,99, além de Steep, esse que você pode atravessar os Alpes em um enorme mundo aberto, sai por R$17,99.

Deve se ter em mente que os jogos também estão em promoção no PlayStation 4, Xbox One e Nintendo Switch. Todas as promoções estarão disponíveis até o dia 1 de dezembro

Para acessar a pagina da loja, basta acessar o link aqui

Continue Lendo

Black Friday

Titanfall: Versão Deluxe Edition é lançada na Steam

Mesmo depois de 6 anos apos seu lançamento, agora em versão Deluxe, alguns jogadores vem enfrentando problemas com o game.

Publicado a

em

Titanfall foi lançado oficialmente 2014, mas agora chega finalmente à plataforma de vendas digitais da Valve, a Steam em sua versão Deluxe Edition.

Titanfall Deluxe Edition

Titanfall Deluxe Edition está disponível desde ontem (20/11) na plataforma Steam. Ele já veio com um desconto de 60% que inclui o jogo base, bem como o Season Pass, que inclui nove mapas adicionais.

Publicidade

Mesmo após 6 anos do seu lançamento, passando por diversas atualizações, o jogo chegou agora com alguns problemas. Parte dos jogadores que o adquiriram, vem encontrado dificuldades com o áudio e com os servidores. Até o presente momomento ainda não sabemos quando a Respawn irá resolver estes problemas.

Descrição

Desenvolvedor: Respawn Entertainment

Estúdio: Electronic Arts

Desenvolvedores: Respawn Entertainment, NexonDesigners: Mackey McCandlish, Todd Alderman

Publicado por: Electronic Arts, Nexon, EA Sports

Continue Lendo

Mais lidas +