Connect with us


Games

Data oficializada: PlayStation 5 será lançado no final de 2020. Confira as mudanças no console

A Sony está trabalhando pesado desde abril deste ano para a substituição do seu console PS4. A companhia oficializou o  PlayStation 5 e seu plando de lançar no final de 2020

Publicado a

em

A Sony está trabalhando pesado desde abril deste ano para a substituição do seu console PS4. A companhia oficializou o  PlayStation 5 e seu plando de lançar no final de 2020, junto com as datas comemorativas ( comerciais de final de ano ).

O PlayStation 5 terá um upgrade em seu hardware e há dois itens destacados pela revista Wired:

Hardware com SSD e ray tracing

O ray tracing, deve elevar o patamar de gráficos ao trabalhar o caminho dos fótons de luz em ambientes virtuais. Essa tecnologia consiste em tentar determinar o caminho dos fótons de luz em ambientes virtuais, para que esses ambientes virtuais pareçam tão realistas quanto possível. Ser capaz de descobrir como a luz deve agir em uma cena requer muito poder computacional, ainda mais quando objetos e fontes de luz começam a se mover (como tendem a fazer em jogos e filmes).

O console da Sony irá tirar proveito dessa novidade graças a aceleração na GPU. O Playstation 5 terá um processador baseado na linha Ryzen da AMD e a placa de vídeo na família Navi, também da AMD.

O segundo item de hardware é o SSD. Com ele o console deve ter muita diferença no desempenho e nas possibilidades que abrirá aos desenvolvedores de jogos.

O PS5 ainda terá um leitor de discos, como acontece desde a primeira geração. Os games ainda virão em Blu-rays de até 100 GB e parte deles serão instalados no armazenamento interno do videogame. A Sony afirma que o SSD dará mais controle sobre essas instalações – os usuários poderão escolher instalar, de forma independente, o modo multiplayer ou o modo história de cada game. Isso permitirá que você apague um pedaço do game depois de completar o modo singleplayer, por exemplo.

O SSD também irá acelerar o carregamento dos jogos, como apontou Marco Thrush, presidente da Bluepoint Games, que trabalhou no desenvolvimento da remasterização de Shadow of the Colossus e Uncharted: The Nathan Drake Collection.

 

“Você não precisa mais de truques para desacelerar artificialmente os jogadores – trancando-os atrás de portas ou algo assim. Na época dos cartuchos, os jogos costumavam carregar instantaneamente; estamos meio que voltado ao que os consoles eram”, disse à Wired.

 

Novos joysticks e mecânicas

O PlayStation 5 terá novos joyticks, que provavelmente se chamarão DualShock 5, que permitirão que os desenvolvedores explorem mecânicas. Estes constroles serão mais tátil, para que os jogadores sintam mais imersões.

Uma das novidades são os “gatilhos adaptativos”, que podem ser mais ou menos resistentes de acordo com a sua ação no game. Atirar um arco e flecha pode deixar os botões mais duros de se apertar, por exemplo.

O controle terá ainda um conectar USB-C para carregar e deve ser um pouco mais pesado do que o DualShock 4. O gerente de produto da Sony garante, no entanto, que ainda serão mais leves do que os atuais joysticks do Xbox.

 

Como será o console visualmente?

Esta é a pergunta que muitos estão fazendo, principalmente por fotos de suposto design. O repórter da Wired disse que a  versão do PS5 que testou se parecia com as imagens que o Gizmodo revelou, imagens encontradas em documentação do INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial). Aparentemente, uma firma de advocacia brasileira registrou o design em nome de seu cliente, Sony Interactive.

O gerente de produto da Sony, no entanto, não comentou se a versão de desenvolvedores apresentada para o repórter da revista será parecido com a versão final, que chegará aos consumidores. Pelo menos ele parece bem futurista.

Igor Luiz é Fundador e o Content Manager do Gadz Tech. Profissional na área de criação de sites, marketing digital e trabalha na publicação de notícias do site.

Anúncio
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × três =

Games

Hyper Scape: Novo jogo da Ubisoft esta disponível gratuitamente

Empresa de games recebe várias denuncias sobre assédio dentro da empresa.

Publicado a

em

A Ubisoft anunciou hoje que seu novo battle royale, Hyper Scape, já está disponível gratuitamente para download. Nesse game você vai enfrentar outros 99 jogadores em uma arena virtual com inúmeras possibilidades de combate  na cidade de Neo-Arcadia.

O novo jogo se passa na cidade de Neo-Arcadia, e coloca 100 jogadores para batalhar.

Trailer de anuncio

Nesse battle royale, segundo a empresa você esta a mercê de “mecânicas inovadoras”, como habilidades, fusões, ruínas progressivas no mapa, showdowns e muitas outras formas de se jogar. Hyper Scape também foi desenvolvido com o intuito de proporcionar suporte a extensão CrownCast, nativa da Twitch.

Publicidade

Através dessa ferramenta os espectadores que estiverem acompanhando transmissões do jogo pela plataforma interagirem com os streamers e interferiram na partida.

Tradução Livre:

A primeira temporada do Hyper Scape começa em 11 de agosto!

Nossa primeira temporada apresenta uma nova arma, um novo hack, novos modos de jogo por tempo limitado, um Battle Pass de 100 níveis e muito mais.

Ah, e já mencionamos que o Hyper Scape Season 1 está chegando ao XBOX ONE e ao PlayStation 4?

 

Fonte: Central Xbox

Continue Lendo

Games

Ubisoft: Acusações de Assédio dentro da empresa levam a processos na França

Empresa de games recebe várias denuncias sobre assédio dentro da empresa.

Publicado a

em

O sindicato frances, Solidaires Informatique, abriu um processo coletivo que vai contra a Ubisoft, por conta de diversas alegações de assédio, racismo e abuso sexual cometidos por diversas pessoas importantes de dentro da companhia, acontecendo no ambiente de trabalho.

Processos e acusações

Ashraf Ismail, Diretor de Assassin’s Creed esta entre um dos acusados por Assédio

O sindicato esta convidando a todas vítimas que sofreram assédio dentro da Ubisoft, assim como qualquer outra empresa que tenha interesse em participar, que entre em contato com a entidade, de forma a montar o caso para ser enviado à corte, prometendo total sigilo a todos os envolvidos.

Enquanto isso o sindicado exige que a empresa de jogos, responda sobre as acusação antes de ser levada à corte, evitando assim complicações futuras.

Esse processo só esta acontecendo pois houveram diversas acusações feitas contra varias pessoas da empresa, como o próprio diretor de Assassin’s Creed: Valhalla, Ashraf Ismail.

Publicidade

Também estão em alvo os executivos Serge Hascoet, Yannis Mallat, Cecile Cornet entre outros. Maxime Beland, diretor que foi o criador de Splinter Cell e Rainbow Six, que deixou a companhia em 2019 mas retornou no início de 2020 também esta sendo acusado. Todos os nomes mencionados se afastaram da empresa após as denúncias e assédio.

Casos mencionados

John Boyega é mesionado com nomes pejorativos durante reuniões da empresa

Entre as diversas acusações, estão casos em que, durante uma apresentação de um game dentro da empresa, essa que estava sendo feito por uma mulher, um dos executivos tocou uma música obscena sobre atos sexuais com uma mulher que também possui o mesmo nome apresentadora, em um momento em que ela estava ausente, pausando a música assim que ela retornou.

Outros casos incluem racismo, como um dos executivos se referia ao ator John Boyega (Finn de Star Wars) por nomes pejorativos. Além de casos dentro da franquia Assassin’s Creed.

Palavras do CEO

Yves Guillemot CEO da Ubisoft

Yves Guillemot, CEO da Ubisoft, comentou sobre o assunto, mas sua abordagem foi de forma mais aberta dizendo:

“Sempre que somos informados sobre má conduta, nós tomamos decisões realmente difíceis e garantimos que essas decisões tenham um impacto positivo e claro, assim, isso é muito importante.”

“E agora se tornou claro que certos indivíduos traíram a confiança que eu tinha neles e não agiram de acordo com os valores compartilhados da Ubisoft.”

Ficaremos no aguardo enquanto acompanhamos o caso, para saber como tudo isso vai desenrolar. E o que acontecerá com seus acusados e com suas vítimas.

Fonte: MeuXbox

Continue Lendo

Games

CYBERPUNK 2077: Novo Gameplay demonstra combate e arsenal do jogo

Console é reimaginado por fã na versão do filme The Batman, que ainda esta em fase de produção.

Publicado a

em

Intitulado como “Tools of Destruction” (Ferramentas de destruição), foi revelado hoje (10 de agosto), um trailer do novo gameplay de Cyberpunk 2077, da CD Projekt Red. Nele é mostrado sobre as mecânicas de uma boa varidada de de armas e combate do game.

Gameplay Trailer de Cyberpunk 2077

Como pode ser visto no trailer, as variedades vão desde armas de fogo até armas brancas, incluindo também os equipamentos cibernéticos que modificam bastante a experiência da jogatina. Segundo o produtor que esta por trás do desenvolvimento do game, vão existir três tipos de armas:

• Power Weapons:  Parecidas com as armas convencionais que conhecemos

• Tech Weapons: Utilizam de pulsos eletromagnéticos para pegar inimigos que estão atrás de coberturas

• Smart Weapons:  Sistemas inteligentes que ajudam a guiar as balas e projéteis até os inimigos.

Publicidade

A desenvolvedora também revelou que existem muitos elementos de RPG nesses equipamentos. Isso acontece pois conforme o jogador ganha mais experiência, o uso dos armamentos vai melhorando e sendo possível carregar mais rápido além de ganhar mais afinidade com cada equipamento.

Lembrando que como um RPG clássico, também é possível personalizar cada arma. No total, há dois tipos de modificadores:

Attachments: Peças físicas como silenciadores e miras

Mods de softwares: Esses que alteram os atributos das armas, desde a penetração de armadura, até adicionar projéteis não-letais e químicos.

Cyberpunk 2077 chega dia 19 de novembro de 2020 para PS4, Xbox One e PC.

 

Continue Lendo

Mais lidas +